sexta-feira, 24 de outubro de 2008

Essent - Fim

Saudações holandesas direto de Hoogeveen! (A pronúncia certa é algo do tipo Hourrevein, bizarro)

Hoje tivemos a última rodada de uma maratona de convivência à la Big Brother de 6 pessoas, 88 dias, 64 partidas pensadas (mais várias outras rápidas e 'pings'), 2 normas de GM (Diego em Sants, Diamant em Parla), 4 títulos compartidos (Fier em Manresa e Essent, Diego em Sants, Krikor em Moratalaz), uns 200 e tantos pontos de rating de lucro, e muito, muito aprendizado.
  • Badalona: Paralelo a Vlissingen, foi jogado por Gustavo (+15,9) e Henrique (+29,2), ambos com ótimo desempenho, com destaque para a vitória de Henrique sobre o MI Rojas. BRA : +45,1
  • Classificação final do Aberto de Badalona
  • Sants: O torneio do Brasil. Todo mundo com desempenho acima do esperado, com destaques para Gustavo - ganhando do MI Pakleza - (+37,2), Diamant (+20,5) e Diego, que além de +24, completou sua primeira norma de GM em grande estilo - ganhando do GM Nijboer na penúltima e dando show contra o também GM Howell nas última. Terminou com 8/10, juntando-se a Lafuente e Bartel no primeiro posto em meio a um 'field' de 22 GMs e toneladas de jogadores acima de 2400. BRA: +97,4
  • Classificação final do torneio de rápidas AjedrezND
  • Classificação final do Aberto de Sants
  • Parla: Diamant caprichou nesse, e com +25,1 cravou sua também primeira norma de GM ao perfazer 7 pontos nas 9 rodadas (invicto) com vitórias sobre o GM Vera e o MI Starostis. BRA: +14,3
  • Classificação final do Aberto de Parla
  • Moratalaz: A semana de boas noites madrileñas, rs. Com bons resultados para Gustavo (+15), Diamant (+9,7) e Krikor (+7,7). Dividi a primeira colocação com Almagro com 7,5/9. BRA: +23,7
  • Classificação final do Aberto de Moratalaz
  • Essent: Fier jogou seu melhor xadrez e terminou com convincentes 7/9 (+14,1). Diamant terminou bem nas últimas rodadas e conseguiu +9,0. BRA: +8,8
  • Classificação final do Essent Open
Saldo de rating final: +262,5

Tomei a liberdade de colocar 3 partidas de cada um dos 6 integrantes da nossa equipe abaixo.


MI Diego Rafael Di Berardino - 2502
MI André Diamant - 2412
MI Krikor Sevag Mekhitarian - 2511
GM Alexandr Hilário Takeda Sakai dos Santos Fier - 2581
Gustavo Pizzocaro Gomez - 2134
Henrique Câmara Ferreira - 2192

Seguem abaixo os ratings atualizados e a variação na Europa:

  • Alexandr Fier - (2595)  +24,8 (atual número 2 do Brasil pelo 'Liverating', rs)
  • Krikor Mekhitarian - (2516) +11,1
  • André Diamant - (2476) +90,0 (1 norma de GM)
  • Diego Di Berardino - (2469) -1,8 (1 norma de GM)
  • Henrique Câmara Ferreira- (2195) +43,9
  • Gustavo Pizzocaro Gomez - (2153) +72,4

Bom, that's all folks!
Esse texto gigante saiu da espera no Aeroporto, rs... O avião sai daqui 2h30, e hoje(domingo) de noite estaremos no Brasil.

É muito bom voltar pra casa, mas falar que não vai bater uma falta desses torneios todos semana que vem é mentira... E confesso, escrever no blog às vezes é bem cansativo, mas o retorno é mais do que gratificante, difícil expressar em palavras.

Hasta la vista!

KSM

segunda-feira, 20 de outubro de 2008

Polêmica - China - Essent

Depois de vários dias conturbados:

Olá a todos!

Em primeiro lugar, para tentar aclarar a confusão do post anterior, que não era para ter tomado proporções tão gigantescas...
O comentário que eu fiz logicamente foi uma brincadeira - eu não quero que nada de mal aconteça a meu adversário só porque ele nasceu ou deixou de nascer na Turquia. Claro que se tivéssemos ganhado o match, teria um gostinho especial, mas eu não iria sair gritando por aí com as cores da bandeira da Armênia pintadas no meu rosto, só ficaria um pouco mais feliz do que o normal. Não há como ignorar a história e independente de quão nacionalista eu seja (eu definitivamente estou longe de ser um armênio fanático), não há como dizer que seria uma partida como outra qualquer. Todos aqui sabem que o clima de uma partida de torneio é tenso, e qualquer 'motivozinho' a mais para ganhar de seu oponente é bem-vindo. (Coisa mais normal do mundo, tipo Brasil x Argentina né?)
Realmente fiquei chocado quando vi a quantidade de comentários que não tinham nada a ver com nada, pois muitas baixarias desnecessárias foram colocadas. Esse é um blog sobre os torneios - suas partidas e o que acontece ao seu redor. Não sou ninguém para impor ordem e bloquear os comentários anônimos, mas acho que daqui pra frente não vai ter mais disso.
Ah, e todos viram que perdemos de 3,5-0,5. No fim das contas não deu muito certo o match, rs.

Estou na Internet do salão de jogos, então não vou conseguir fazer nada muito detalhado de novo.
Terminamos em décimo primeiro no rápido por equipes na China, graças às duas importantes vitórias na reta final contra a Itália e Eslováquia. Agradecemos a todos que acompanharam e deram seus votos de incentivo!

Aqui jogaremos a quarta rodada daqui 1 hora e meia. Fier começou impecavelmente com 3/3, eu e Diego temos 2,5 e Diamant 2.

Abraços!!

KSM

PS: Passando a poeira desse torneio, prometo que escrevo sobre a rodada final da Suiça e mais detalhes do torneio por equipes na China.

terça-feira, 14 de outubro de 2008

China

Olá!
Temos rodada daqui 40 minutos, então serei breve.

Anteontem jogamos o ping por equipes, e obtivemos um resultado mediano. Com destaque para a nossa vitória por 4x0 contra os Estados Unidos. :)
Ontem começou o rápido... fizemos 4x0 no Iraque pela primeira e 2x2 contra a dura Áustria (que tinha ganho da Ucrânia na primeira).
Hoje jogamos com a Turquia pela terceira rodada. E além de precisarmos ganhar a qualquer custo para subirmos, é uma questão de honra para mim, rs.

Abraços!

KSM

sexta-feira, 10 de outubro de 2008

Winterthur - Reta final

Últimos dias de Suiça.. e o Brasil deu um sprint final, fazendo 8/10 ontem e hoje. Com isso, estamos no positivo de rating de novo (+1,8!).
Ontem depois da rodada, foi jogado o torneio de ping por equipes. E como cada equipe só podia ter um jogador acima de 2300, tivemos que nos distribuir. Diego preferiu não jogar, eu joguei com uns suíços (Blitzmob era o nome do time, não me perguntem o que significa - ficamos em sexto lugar). Diamant, Henrique e Gustavo fizeram a aquisição de um quarto jogador na hora, e ganharam o torneio! Isso mesmo, a Vai-Vai (?) levou o título e o gordo prêmio de 400 Francos Suíços. 

Não vou comentar muito as partidas da sétima e oitava rodada, pois amanhã jogamos às 10:00, e preciso preparar contra Dieguito (é, vamos jogar pela primeira vez na Europa.).

Sétima rodada
  • Vitória praticamente cirúrgia de Henrique, de pretas, contra o MF de 2301;
  • Diego parou com a sequência de ótimos resultados do jovem Gaehwiler (14 anos) com um ataque avassalador na ala do rei (23.Txg7!);
  • Diamant empatou de pretas sem stress na abertura;
  • Gustavo ajeitou muito bem as peças e aproveitou muito bem a vantagem quando caiu no final de DT x DT.
Partidas de ontem (sétima rodada)


Eu joguei uma siciliana clássica e encaixei bem minha preparação, que ia até 13...Cd7. Logo em seguida, meu adversário exagerou com 16.Bd5?, para a minha felicidade. Fazer as pazes com a vitória foi o maior alívio das últimas semanas.



Oitava rodada
  • Diego saiu bem da preparação, perdeu a chance de jogar 30.f5, seguido de Txe4 e Cxc4, com alguma vantagem. Mais tarde ficou por baixo, e infelizmente caiu a seta dois lances antes de completar o 40, já em posição inferior (39...Bh4-Bg3).
  • Diamant acertou uma partida bem redonda, mantendo a vantagem do começo ao fim. Destaque para 19.Ta3!
  • Não consegui passar as partidas do Henrique e do Gustavo, eles já caíram no sono... Henrique empatou, e tinha um ganho dois lances antes de acabar a partida, triste. Gustavo ganhou depois 6h10m de partida, que eu to curioso para ver, rs.
Partidas de hoje (oitava rodada)

Henrique
Gustavo

Joguei uma siciliana Scheveningen hoje, e depois de 17...Ch5, o branco deve jogar 18.g3, com posição balanceada. Ao arriscar com 18.g4, as debilidades no território branco começaram a incomodar aos poucos, até cair o peão de 'a5' no lance 22.



Vou ver se consigo escrever depois da rodada amanhã... senão nos vemos na China! Embarcamos dia 12 de tarde para lá.

quarta-feira, 8 de outubro de 2008

Winterthur - Capítulos 5 e 6

Antes de mais nada, uma menção mais do que merecida ao nosso GM Fier, que fez bonito demais na China - não tomou conhecimento na reta final do torneio rápido (5,5 nas 6 últimas!), e levou o título da classificatória passando por cima de vários GMs de renome, como o ucraniano Mikhail Gurevich (Top-10 na década de 90, hoje joga pela Turquia). Vale ressaltar que nessa classificatória, jogaram 4 chineses Top (Bu, Ni, Wang Hao e Wang Yue), e só Bu conseguiu passar para a semi-final, mostrando o nível acirrado do torneio.
Infelizmente, Fier perdeu hoje a disputa da medalha de bronze contra o chinês Zhang Zhong (que joga por Cingapura), depois de ter ganho a primeira partida de pretas. Perdeu a segunda de brancas, e na morte súbita, jogava unicamente pela vitória (pois tinha brancas), e tentou até o último instante um dramático final de bispos de cores iguais empatado. Terminou com um honroso quarto lugar.
Tenho certeza de que todo mundo vibrou muito e se emocionou vendo a bandeira do Brasil no topo da classificação... BRAVO!!

Voltando à Europa...a Internet do hotel tirou férias ontem e hoje de tarde, mas parece que está de volta agora, assim como o blog. =)
Ah, e eu coloquei a partida do Henrique da quarta rodada que tinha faltado no post anterior.
Sobre o torneio, o Brasil ainda não fez as pazes com a Suiça, rs. Diamant é o único que está ganhando rating no momento, e eu estou cuspindo tudo que tinha ganho nesses 2 meses - básico.

O plano para o fim de semana é conhecer o 'Caramba - Brasilien in Winterthur', barzinho brasileiro das redondezas. Outra opção é o 'Tres Amigos' - comida mexicana e tequila (arriba!).
Por fim, o Bolero Club, que parece ser moda na cidade, tem anúncio em tudo que é lugar.

Quinta rodada

Diego saiu com uma posição esquisita da abertura, mas consertou aos poucos e ganhou o final com peão a mais.
Diamant manteve a posição indefinida por muito tempo, mas sempre com uma ligeira vantagem, que foi bem trabalhada para a vitória.
Henrique encaixou uma francesa legal, e jogou contra a estrutura inferior do branco na ala da dama (c3 e b4 contra c4 e b5 do preto). Aos poucos ganhou espaço e atividade, até converter o ponto mais tarde.
Gustavo saiu tranquilo da abertura, e ao invés de manter a posição balanceada, preferiu arriscar com f4, mas abriu a posição na hora errada, e o branco aproveitou bem.
Partidas de ontem (quinta rodada)


Depois de uma abertura bem morna, a posição secou rápido. Escolhendo idéias bem duvidosas como 22...Tb4 e 32...Td6, fiquei inferior, e no lance 36 o branco tinha Txc6! com vantagem clara, pois 36...Cxc6 37.Txb5 Cxd4 38.Tb8+ Rh7 39.Th8+! seguido de Cxf7+ e Cxd6 com um final ganho para o branco. Nessa mesma linha, 37...Cxe5 38.dxe5 Td7 oferece mais chances de defesa, mas também é bastante sofrida a posição. 



Sexta rodada

Diego jogou a formação de Scheveningen contra a variante do Fianchetto das brancas, mas aos poucos se equivocou nos planos e permitiu uma ligeira vantagem que foi crescendo aos poucos. A última chance de tentar manter o balanço era o sangue-frio 27...Tb8, com idéia de ...Te5. Na abertura, um plano com Tc8 antes de Dc7 é possível para passar a dama para b8 sem deixar a torre lá presa.
Diamant jogou uma Ruy Lopez de brancas, e deixou o preto igualar ao escolher 19.a3. A melhor tentativa de buscar uma vantagem é 18.d5! Cb4 19.Bb1 a5 20.a3 Ca6 21.b4! - controlando a importante casa de 'c5' e aproveitando o tema de que o peão em 'b4' é intocável, já que 21...axb4 22.axb4 Cxb4? 23.Bd2! Dc5 24.Db3 +-. De resto, defendeu bem a iniciativa das pretas, e o final de bispos é empatado, até que surgiu um ponto cego para ambos: 49.Be3? Bxe3! e o preto consegue vantagem, pois : 50.Rxe3 g5! (lance chave, ganhando espaço na ala do rei). 51.Rd3 Rf4 52.Re2 Rg3 53.Rf1 h5 54.Rg1 f5 55.Rf1 Rh2 56.Rf2 g4! e o preto ganha. 57. fxg4 fxg4 58.h4 (58.hxg4 hxg4 59.Rf1 g3) Rh1!. A defesa fina é 51.g3!, controlando 'f4'. Nesse caso, 51...Rd5 52.Rd3 h5! e o peão estar em 'f7' ajuda para ter um tempo de espera a fim de ganhar a oposição. Entretanto, o branco ainda dispõe de um recurso: 53.Re3! Rc4 54.f4 g4 55.hxg4 hxg4 56.Re4 Rb3 57.Rf5 Rxa3 58.Rf6 Rxb4 59.Rxf7 Rc4 60.f5 b4 61.f6 b3 62.Rg7 b2 63.f7 b1=D 64.f8=D Db7+ e o branco vai sofrer, mas sempre existem ótimas chances de empate nesses finais de dama.
Henrique logo embarcou em uma confusão de meio-jogo, e deixou passar alguns lances de computador como 22.Da3 Db5 23.Bb3! (entupindo a dama em a3, mas ameaça Bc3, tocando em 'e7'). Ou mais tarde 26.a3 Tb5 27.a4! (sim, bizarro) Tb4 (ouTa5 ou Tc5 perde em 'e6'). 28.Ba3, com vantagem. Do jeito que seguiu, o final começou a ficar perigoso, mas foi bem defendido e acabou em empate.
A partida de Gustavo foi também tranquila no começo, e depois de muitas trocas, um final de DB x DB de cores opostas foi visto. O branco mostrou raça e forçou até a morte, com entradas lá e cá, mas a outra ucraniana do torneio - Yana Gusakovskaya - defendeu bem e não permitiu nenhum ataque mais assassino.

Partidas de hoje (sexta rodada)


Hoje fui pra academia de manhã, tava mais preocupado em descansar e jogar disposto do que qualquer outra coisa. Mas logo no lance 6, tenho uma decisão pela frente: jogar o sereno 6.Bd3, mantendo as peças e a tensão, ou entrar reto na linha teórica com 6.e5. Sobre 6.e5, eu tinha preparado lá pra 2004, e lembrava bem vagamente das idéias, mas minha memória dizia que era muito bom para o branco. Não tive dúvidas em entrar seco nessa, rs. Entretanto, meu adversário jogou até o lance 13 ao toque e começou a me assustar. Eu não lembrava de mais nada, mas oras... se é bom para o branco, dá pra tentar achar. O problema é que ele não foi só até o lance 13 ao toque, mas sim até o 22! Eu já tinha gasto uns 50 minutos, e a posição preta é claramente preferível. Sonho? :p O fato é que 15.Tc1 é uma melhor tentativa, e na verdade a linha toda não é grande coisa para o branco. As minhas análises velhas e ruins diziam apenas 12...b5, que é horrível, ou 12...Ca5!?.
No lance 23..., o preto tem o interessante Tf7!, para liberar a dama e a ligeira vantagem está do lado dele. 
Mais tarde, todas as trocas são forçadas, e a alternativa 30...a5 falha por 31.Txe7 a4 32.Cf6+! by Rybka Rg6 33.Ce4!, com igualdade, pela idéia de 34.f4-f5+.(eu pretendia jogar 32.f4 e 33.Ta7)
O final de torres que caiu sempre dá chances ao preto, mas com os peões e o rei passivo não creio que apresente algum perigo real.


Variações de rating em Winterthur:

Henrique (-7,2)
Krikor (-13,3)
Diamant (+3,8)
Diego (-5,2)
Gustavo (-13,2)

KSM

segunda-feira, 6 de outubro de 2008

Winterthur - quarta rodada

Hoje pela quarta rodada:

Henrique enfrentou uma holandesa, e jogou de acordo com o preparado, até confundir o normal 13.Bb2 com 13.c5?, que permite 13...Ce4! Depois de muitas complicações, surgiram algumas chances de empate, mas mostrando uma boa técnica de finais, a vitória não escapou à condutora das negras.
Diamant saiu comendo uns peões na abertura e cravou a vantagem decisiva quando conseguiu rocar, rs.
Diego acertou uma boa partida de pretas e chega amanhã à mesa 4 contra o MF suíço Kamber.
Gustavo tentou pegar uma vantagenzinha mínima contra o peão isolado de seu adversário, mas foi neutralizado e empatou logo mais.

Partidas do dia (quarta rodada)


Eu joguei contra uma Ruy Lopez, variante Zaitsev (9...Bb7). Chegamos à posição teórica depois de 21.Ch2, que o preto normalmente reaciona com 21...Cb6. 21...Tc8 é bem impreciso, pois a pressão na ala do rei merece alguma atenção. Seguindo a partida, 24.Cxf6+ era bastante bom e nada complicado de ver. 24...Dxf6 25.Dxf6 gxf6 26.Ch5 Te6 (26...Bg7 leva 27.Td3!, detalhe que me escapou) 27.Td1 Td8 28.Be3 Cc4 29.Bxc4 bxc4 30.exd5 Txd5 31.Txd5 Bxd5 32.Td1, seguido de Td8 com vantagem decisiva. 24.Bxh6? não fica inferior, mas chega em uma posição bem equilibrada. Mais tarde, 35.hxg7 Bxg7 36.Txd4! era necessário, com igualdade... daí para frente, uma vitória convincente do preto.
Confesso que saí bastante decepcionado da partida hoje, como não saía há várias derrotas. A questão é que mesmo se eu não vejo 27.Td3 lá no fim da análise, é óbvio que o final é melhor para mim e bem mais claro que a seqüência da partida. 24.Cxf6+ não pode ser descartado tão facilmente, em nenhuma hipótese. Enfim, é isso aí! Muito chão pela frente ainda :D



Variações de rating em Winterthur:

Gustavo (-2,1)
Diamant (-0,6)
Diego (-3,5)
Krikor (-5,7)
Henrique (-9,5)

PS: É feio ver tudo em vermelho, né? :p

PS1: Fier tá dando um baile no torneio de rápidas na China, como comentaram no post anterior... ele joga na mesa 2 amanhã pela penúltima rodada disputando uma das 4 vagas para a semi-final... FORÇA!!

domingo, 5 de outubro de 2008

Winterthur - Terceiro dia

Bom dia / boa tarde / boa noite,

Ah, ontem esqueci de mencionar duas coisas... primeiro - no torneio de ping que eu mencionei... o Brasil não brilhou. Diamant começou bem com 5/5, mas terminou com 6,5/9, mesma pontuação que o Diego (ficaram em terceiro e quartos lugares), enquanto que o autor que vos fala fez 6,0/9 bem mal-feitos, rs (terminando em oitavo).
O campeão foi o polonês de nome de outro mundo - Krzystztof Jakubowsky, com convincentes 8,0/9.

Outro assunto foi um fato inusitado que ocorreu na minha partida. Ontem eu e meu adversário (o MF Bruno Kamber) passamos pelo apuro do lance 40 (aqui o ritmo é de 1h40m p/ 40 lances, mais 50 minutos pro resto da partida, com 30 segundos desde o primeiro lance), mas ambos completamos com alguns minutos de sobra. Como eu estava de pretas, obviamente fui o último a fazer o meu quadragésimo lance... pois bem, enquanto meu oponente pensava em seu lance de número 41, eu percebi que o relógio não tinha somado 50 minutos para ele, e a contagem baixava de 30 segundos... até que uma hora o tempo caiu (fica aparecendo o 0:00 e o sinal de '-' do lado).
Bruno percebeu o fato, mas não se importou, e seguiu analisando, o que já foi meio estranho. Eu levantei e fui falar com o árbitro, para que consertassem os tempos e pudéssemos seguir normal. O cara veio até a mesa, olhou pro Bruno, olhou pra posição, olhou pro relógio... me perguntou umas 3 vezes se tinha completado o 40 mesmo, e eu falei que sim, que não tava reclamando de nada, só queria que os 50 minutos fossem dados ao condutor das brancas. Além do árbitro arranhar um inglês macarrônico, ele não lembrava como mexer no relógio digital. De repente, ele começou a fazer a matemática de quanto tempo ele deveria colocar (o que já era bem claro, 50 minutos!!), anotando o horário da rodada, o acréscimo de lances até então, e o horário naquele momento. E adivinhem aonde foi essa rabiscaria toda? na minha planilha!! hahahaha ele interditou toda a zona do lance 60 ao 70, vê se pode.
Depois do carnaval todo, ele fez que arrumou o relógio, e mandou acionar de volta. Quando eu olho, eu tenho 52 minutos (que tava certo), e meu adversário tem 30 segundos! Eu contestei dizendo que ele tinha direito a mais tempo, e ele falou 'ah, espera que já vai aparecer o tempo certo'. Ficamos lá, um olhando pro outro durante 30 longos segundos, vendo o relógio zerar mais uma vez... hahahaha. Chamaram outro cara que entendia mais, e na correria ele colocou 50 minutos para o meu adversário e 1 hora e 42 pra mim! (somaram o acréscimo equivocadamente para mim também... hello-o, já tava quase escurecendo, como eu teria tanto tempo ainda? rs)
Finalmente, ajustou-se tudo e a partida recomeçou...! Por sorte não chegou no lance 60, hehe.
Nada contra a equipe de arbitragem, eles são super atenciosos e educados, mal-entendidos acontecem... mas achei que valia contar a anedota :-D

Hoje tivemos a terceira rodada nesse torneio aberto compacto (53 jogadores) que já mostra confrontos duros desde o começo.
 
Henrique escolheu o timing errado para fechar a posição com 10...c4?! (10...f5 era bem interessante). A vantagem branca já é confortável depois de 15.Txa4.
Gustavo encarou um plano diferente na Ruy Lopez - 12.b4!? diretaço (12.Cbd2 é o normal). Não lidou bem até que 'b5' e 'e5' viraram alvos sérios de ataque. 14...Bd7 ou 14...Be6 eram mais flexíveis.
Diamant empatou rápido de pretas numa inglesa simétrica.
Aconteceu de tudo na partida do Diego... tanto que ficamos analisando mais de 1 hora com seu adversário - Sebastian Gattenloehner(!), o divertido MI Ballman, e o GM Jenni. Por exemplo, no lance 34, o branco ganha elegantemente com 34.Rg1!! que resolve o problema do peão de 'f2' e vai com tudo pra cima do rei preto. Mais tarde, o empate foi inevitável.

Partidas do dia (terceira rodada)


Eu joguei um ataque ingl&es contra a siciliana Taimanov de meu adversário, que escolheu uma linha diferente bem jogada até com 9...Ce7 (o normal é 9...Ce5) , que prepara ...d5 no próximo. Logo no lance 10, desviou dos caminhos normais com ...b5 ou ...d5 e tentou 10...h6, já visto em Wang Hao - Potkin, 2008 No final que caiu, tenho alguma ligeira vantagem confortável, beirando aumentar a qualquer momento. Até que eu viajei na maionese com 33.Txd6??, pois lá na frente 35...Cb7! e o preto ganha o cavalo de 'g8' limpo! oooops. Mas como Nossa Senhora Aparecida é forte, deu tudo certo, rs.


PS1: Fier começou a jogar o individual de rápidas (25 minutos com 5 segundos de acréscimo por lance) hoje, e já temos o emparceiramento da quarta rodada (será jogada só amanhã). Ontem de noite ele tava me contando pelo MSN como tinham sido os pings. Ah, hoje pela primeira rodada ele empatou com o Bu de novo! hehe

KSM

sábado, 4 de outubro de 2008

Winterthur - Segunda rodada

O primeiro dia de rodada 'cedo' - 13h30 - depois de muito tempo foi bastante corrido. Primeiro pelo fato de ter dormido tarde ontem, e segundo pelo torneio de ping hoje de noite. Sem contar que o personal trainer (Henrique) de plantão da equipe me arrastou pra academia essa semana também, então já viu... acorda, toma o café, pá-pum, 1 da manhã de repente.

Ah, antes que eu me esqueça... o Fier terminou com 4,5 em 11 no ping da China (juntamente com o número 10 do mundo, o chinês Wang Yue, para se ter uma noção do nível).
O rápido individual começa no dia 6, a princípio...
Sobre a rodada:

Gustavo ganhou um peão no lance 6, mas de repente surgiu um 'pula-pula' (by GM Darcy Lima), até que uma hora o contra-jogo foi neutralizado e sobrou um 38.Cf4! ganhando.
Henrique acertou mais uma catalã certinha, e tomou proveito da passividade de seu adversário na abertura. Mais pra frente, converteu bem a vantagem e arrematou com o elegante 40.Tc5!
Diamant teve pela frente mais uma mulher. E dessa vez não era qualquer uma, era a estonteante WGM ucraniana Alyona Goreskul (acreditem, ela é bem mais bonita ao vivo), dona de um olhar fulminante. E no tabuleiro não foi muito além disso... Diamant sofreu, rs! Brincadeira, a posição manteve-se igualada depois da abertura, provavelmente com chances ligeiramente melhores para o preto. Tá perdoado, :p
Dieguito encarou uma inglesa sólida e depois de tentar de todas as maneiras, teve que se render a uma repetição de jogadas. Segundo ele, 27...Bf5! era melhor que 27...Tf8, pois a torre eventualmente ajudaria o avanço do peão de 'e5', dando boas chances de contra-jogo em troca das casas pretas ao redor do rei.

Partidas do dia (segunda rodada)

Diego
Gustavo
Diamant
Henrique

Eu joguei uma idéia diferente hoje, inspirada no GM espanhol Francisco Vallejo Pons (não sou muito fã dele, mas hoje ele merece o crédito, rs). 3...Ca5!? tenta levar a posição para uma siciliana aberta (pois provoca que o branco jogue d4 rápido para aproveitar o cavalo esquisito em a5). É fato que a siciliana aberta que vem é melhorada para o branco, mas por outro lado, o cara que joga 2.Cc3 e 3.Bb5 geralmente não é muito familiar com as posições mais teóricas. O plano diabólico deu mais ou menos certo, mas me empolguei no lance 18, com ...f6 (que não é ruim, mas 18...Cc5! confere uma vantagem bem convincente e 'limpa' para o preto, já que 19.Cxc5 Bxc5+ 20.Rh1 a5!, seguido de Ba6, Db6, Tab8, Tfd8 fica uma beleza). Empurrando a centraiada, tive que dar a dama para manter os peões vivos. Inexplicável foi 29...g6?? no lugar do natural 29...d4 (eu fiquei com medo do superficial 30.Dc4+ Rh8 31.a4, pensei que descoordenaria meus Alfeus em 'b6' e 'b7'). Depois de um fuzuê, interroguei com 43...Rf8? (43...Re8! era fino), pois com 44.Dd7! tenho que ocupar a casa 'boa' para o meu rei (e7) com a Torre, e mesmo na posição final, se o branco consegue levar a Dama até 'e2', jogar Rg2-Rh3 em tempo, existem chances de ganho, com o avanço dos peões na ala do rei... Enfim, muito blá-blá-blá, chega por hoje :D



KSM

Pequim - Resultados em tempo real

Bom dia!

Graças ao nosso fiel colaborador 'amigo véio', trazemos em primeira mão o link com os resultados praticamente em tempo real do GM Alexandr Fier no torneio de ping individual na China.

Na primeira rodada, um resultado importantíssimo: empate com o Top-GM chinês Bu Xiangzhi (que já perdeu pro Fier na olimpíada de 2004, rs). Na segunda, empate com o GM ucraniano Aveskulov (atualmente reside nos EUA).

Pela terceira rodada, vem o jovem GM mexicano Leon Hoyos.
  • Emparceiramento da terceira rodada (É só atualizar de tempos em tempos para ver os resultados. Lembrando que o ritmo é de 3 minutos + 2 segundos de incremento por lance).
KSM

sexta-feira, 3 de outubro de 2008

Winterthur - Primeiras impressões

De volta aos trabalhos, rs!

Depois de alguns dias ociosos em Madrid... terminamos (no dia 2) nossa estada na Espanha - que já sentimos saudades por alguns motivos :p.
Entrando no aeroporto do Zurich, um fato inusitado ocorreu com Diego, Diamant e Gustavo. (Como eu decidi jogar aqui na última semana, peguei um outro vôo. E Henrique tinha ido passar uns dias em Londres)
Ao responderem que vieram para a Suíça jogar xadrez, foram encaminhados à famosa 'salinha' da polícia local... conversa vai, conversa vem, o tal do policial desconfiado pede para eles mostrarem seus instrumentos (eu comecei a achar estranho quando me contaram, rsrs). Confundidos com a situação, mostraram um jogo de peças pro cara... que percebeu que eles tinham vindo jogar 'Chess' e não 'JAZZ' (hahahahahaha, é mole?)
De resto, tudo tranqüilo.. (o trema será banido do nosso idioma, sabiam?)
A cidade é bem turística e simpática, tem alemão como seu idioma oficial, por estar situada na região de Zürich (esse trema, por ser em nome próprio, não será banido, :p). Na Suiça eles falam de tudo: Italiano, Francês, Alemão, Romanche[?]. E ontem quando estávamos procurando onde comer de noite, encontramos um dono de um bar que arranhava um espanhol bastante decente. E alguns se viram no inglês.
O único problema - razão pela qual eu mencionei a Espanha lá em cima - é tudo Muuuuuuuuito caro aqui (com m maiúsculo e muitos 'u's). Ah, e aqui eles não usam o Euro, apesar de ser aceito em alguns estabelecimentos... o Franco Suíço é a moeda oficial, vale algo em torno de R$1,8.
Eu não adoro nem odeio o frio, que por enquanto está agüentável/agradável... mas pode piorar a qualquer momento. A previsão diz algo como mínima de 0, máxima de 8.
Como bons brasileiros, chegamos atrasados, e para a alegria geral - não tínhamos sido emparceirados! (nossa inscrição obviamente já tinha sido feita, mas como não demos notícias de que estávamos nas redondezas...) Por sorte, ainda não tinham mandado acionar os relógios, e fizeram a gentileza de nos re-alocar no torneio.

Pois bem, ao que interessa!

Diamant ganhou uma Alapin de pretas, com 18...Ccb4! lhe conferindo ótima vantagem.
Henrique saiu sem problemas da abertura, e deixou passar chances boas como 25...Txb4 26.axb4 a3, seguido de ...Ta8, ...Ba4, ...Cb5, com vantagem. E mesmo mais tarde, 38...f6! coroaria uma partida bem jogada.
Depois de metralhar 18 lances de teoria, Diego ficou bem ao conseguir encaixar 21.Tc5! (temático nesse tipo de posição). A imprecisão surgiu ao escolher o atraente 25.Be4? (25.Ce4! era fino, ameaçando Cd6 e temas com Cf6+), pois depois de 25.Be4 Da7 26.Bxa8 d3! era bem incômodo. 27.Df1 Cg3! 28.Dxd3 Bxf2+ 29.Rh2 Txa8, com boa compensação pela qualidade sacrificada.

Partidas do dia(primeira rodada)

Diego
Diamant
Henrique

Como já esperado pela lista preliminar, joguei com Gustavo pela primeira rodada. Escolhi a sub-linha com 9.d4 para mudar um pouco os ares. Logo desviamos da teoria, e não creio ter conseguido qualquer tipo de vantagem (16...Tab8 forçando 17.Bc1 antes talvez fosse ainda melhor para o preto). No lance 21...Tbd8 por exemplo, no lugar de 21...Be4? manteria a posição balanceada. Como seguiu 24...Bxh4 tampouco era possível por causa de 25.g5, prendendo o bispo.



PS: A partir de amanhã, jogamos às 13h30 - 8h30 horário de Taubaté(SP). Não há transmissão on-line, falando nisso... Ah, o organizador já me veio falar hoje que os acessos do Brasil à lista inicial de jogadores foi grande, rs.

PS2: Queria comentar sobre o recém-criado blog do clube de xadrez Mendes (Mendes-RJ), sob a direção de Elcio Mourão. Concedi uma entrevista ao blog esses dias, que pode ser vista lá.

PS3: Amanhã depois da rodada tem torneio de ping! :-D

PS4: Não temos notícias do Fier ainda, mas se tudo correr como o programado, ele deve começar a jogar o individual de ping lá em Pequim(3m + 2s) daqui algumas horas.
KSM